Comboio chegou à Figueira da Foz há 138 anos

0
1113

No passado dia 3 de Agosto, nos “anais da história”, registaram-se os 138 anos da chegada do Caminho-de-ferro à Figueira da Foz, com a cerimónia de inauguração da Linha da Beira Alta (Vilar Formoso-Figueira da Foz), presidida pelo rei D. Luís I e a Rainha D. Maria Pia, sendo recebidos por milhares de pessoas, com o então presidente da Câmara, Francisco Lopes Guimarães, a proferir as saudações a suas majestades.

De recordar que esta ligação ferroviária foi discutida pela primeira vez numa proposta parlamentar em 1874, que motivou muita polémica durante quatro anos. Aliás, só em 3 de Agosto de 1878, foi decidido entregar o concurso à Société Financière de Paris, que fundou a Companhia dos Caminhos de Ferro Portugueses da Beira Alta para construir e explorar a Linha, cujas obras se iniciaram logo em Outubro, no troço entre Vilar Formoso e Pampilhosa.

O troço entre a Pampilhosa e Vilar Formoso entrou ao serviço, de forma provisória, em 1 de Julho de 1882. As obras continuaram, e a totalidade da Linha da Beira Alta, numa extensão de 252,522 Km, entre a Figueira da Foz e a fronteira, foi inaugurada no dia 3 de Agosto do mesmo ano.

Anote-se que, cem anos depois da inauguração, a 3 de Agosto de 1982, a electrificação da via-férrea, chegou à Figueira da Foz, no ramal Alfarelos-Figueira da Foz.

Aqui deixamos três imagens que assinalam esses momentos históricos: uma ilustra a chegada da comitiva real (1882) e duas referentes à inauguração da electrificação (1982)

Aldo Aveiro

Comentários